Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Up
  • Onix
  • Duster
  • HB 20
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Golf
  • Focus
  • New Fiesta
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
NOTÍCIAS » Legislação
TEXTO  |RSS |
Índices de reajuste de pedágios em SP serão unificados
Por Bruno Roberti | 28/06/2011
IPCA, índice da inflação, passa a valer a partir de 2012
O índice utilizado para reajustar as tarifas do pedágio em São Paulo irá se unificar de 2012, já que a Agência de Transporte do Estado (Artesp) vai usar o IPCA como indexador único para todas as concessões de rodovias.

Para este ano, ainda irão valer dois índices, uma vez que as tarifas de algumas praças de pedágio, em concessões efetivadas de 1998 a 2000, terão reajuste com base no IGP-M acumulado entre junho de 2010 e maio de 2011. No dia 1º de julho, o reajuste dessas rodovias, que compreendem 3,5 mil quilômetros de pistas, será de 9,77%.

Já nas rodovias com contratos de concessão assinados a partir de 2008, o índice adotado é o IPCA (inflação) e será reajustado em 6,55% no período.

Os critérios de reajustes das tarifas de pedágio são contratuais e aplicados sobre as tarifas quilométricas das rodovias. Cada praça de pedágio cobre uma determinada extensão da estrada. Para cálculo da tarifa, o trecho de cobertura é multiplicado pela tarifa quilométrica, na qual os índices de reajuste são aplicados.

LEIA MAIS:

>> O preço do quilômetro: modelo de concessão aumenta a distância entre faturamento e investimento



Contra o Pedágio (09/03/2012 @ 20:01)
Eu prefiro as estradas da Alemanha, que são perfeitas no país inteiro, sem um único pedágio! Nós brasileiros temos que parar de achar que pagar 2 vezes para tudo é normal! Já temos uma carga tributária extremamente pesada e deveríamos ter a contrapartida dos nossos governantes, incluindo nas estradas, deveríamos lutar para isso e não simplesmente pagar passivamente os pedágios e achar que isso é bom...
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:02)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!! Ah! E se você não gostou, POR FAVOR, NÃO VENHA MAIS PARA O MEU ESTADO!!!!!! NÃO PRECISAMOS DE VOCÊ AQUI!!!!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:02)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:02)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!! Ah! E se você não gostou, POR FAVOR, NÃO VENHA MAIS PARA O MEU ESTADO!!!!!! NÃO PRECISAMOS DE VOCÊ AQUI!!!!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:01)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:01)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:01)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!!
PAULISTA COM ORGULHO (30/06/2011 @ 20:00)
Discordo totalmente de você Robert! Prefiro 1.000.000 de vezes PAGAR o pedágio, e poder rodar com segurança por excelentes estradas, sempre mantidas em boas condições, com segurança, sistema de auxílio ao usuário, faixas bem pintadas, boa sinalização, ambulâncias a disposição, telefones de emergência a cada Km, etc, etc, etc, do que andar nas estradas VAGABUNDAS, ONDE NÃO TEM PEDÁGIO, como as estradas de MG, GO, MS, etc. etc etc. Toda vez que tenho que pegar uma dessas estradas me dá calafrios, pois o asfalto é uma bosta, geralmente não tem acostamento, nem auxílio, nem nada! Se algo acontecer, problema seu! Se sua roda explodir em um buraco, problema seu, se você capotar o carro, vai esperar alguem te ver e chamar o resgate, que vai demorar uma vida, pois estará longe e terá que passar pela mesma estrada ruim que você! Portanto eu pago pedágio, e pago FELIZ!!! Já o dinheiro dos impostos, devemos sim nos revoltar e reclamar com os governos estadual e federal, que nos roubam 24hs por dia!!!
Aldo (29/06/2011 @ 12:02)
a verdade que a imprensa não diz: Lucro com carros no Brasil é ao menos 3 vezes maior que em qualquer outro país do mundo. Vejum o link, apaguem espaços em branco no meio se tive http://omundoemmovimento.blog.uol.com.br/arch2011-06-01_2011-06-30.html#20 11_06-27_18_42_25-142809534-0 http://omundoemmovimento.blog.uol.com.br/arch2011-06-01_2011-06-30.html#2011_06- 27_18_42_25-142809534-0
MARCELO (29/06/2011 @ 11:00)
assistamhttp://www.youtube.com/watch?v=ynb66OU1q1w&feature=channel_video_title
Robert (28/06/2011 @ 23:45)
Caro cidadão NOGUEIRA, excelente explicação a sua, porém, essas coisas devem sim serem levadas para o debate Político nas eleições Municipais!! Não entendo como o PSDB que privatizou as Rodovias paulistas à preços tão exorbitantes continue a ganhar eleições....A minha indignação é com a falta do debate sobre esses temas!!!Em época de eleição essas coisas parecem TABU.....Conscientizar nem que seja uma pequena quantidade de pessoas mesmo aqui no site da 4Rodas pode servir para alertar esse povo Paulista Letárgico!!!!!! CARA NÃO ENTENDO COMO ESSES MESMOS POLÍTICOS CONSEGUEM SE PERPETUAR NO GOVERNO DE SP!!! E SE PREPAREM QUE A DÍVIDA VAI AUMENTAR,POIS, O Sr. CHUCHU ALCKMIN FOI PEDIR AO GOVERNO FEDERAL PARA AUMENTAR O ENDIVIDAMENTO DO ESTADO EM 17 BILHÕES...E INFELIZMENTE ESSA FATURA VAI PARAR NOS BOLSOS DOS PAULISTAS!! LAMENTÁVEL!! AINDA BEM QUE MORO LONGE DE SP!! E ME ASSUSTE DO TANTO DE PEDÁGIO QUE PAGUEI QUANDO PASSEI POR LÁ!!
Nogueira (28/06/2011 @ 19:45)
Ao ler os comentários aqui postados, chego a conclusão que ninguém se deu ao trabalho de ler a ótima reportagem " o custo do quilometro"..., indicada logo abaixo desta( em letras vermelhas). Quem a ler com bastante atenção e compreensão, constatará que pouco ou nada se poderá mudar em relação a pedágios, eis que os contratos de concessões tem validade por 20 anos e, qualquer alteração exige mútuo acordo entre governos e concessionários. Ocorre que, os governos ganham percentual em cada real pago nos pedágios, por serem os donos das rodovias( estadual e federal) e, referidas concessões são iguais a franquias de empresas/marcas, porém jamais querem abrir mão desse percentual ou mesmo reduzi-lo, então só se preocupam em reclamar, também, dos altos preços cobrados, em atitude bem demagógica, tipicos de politicos. Qualquer contrato, repito, pode ser alterado em qualquer momento, desde que os direitos e obrigações de cada parte seja, também, objeto de acertos. Ainda não vi vontade de ninguém em fazer os acertos, apenas imposições, então nós é que iremoa continuar pagando e sofrendo. Até quando os brasileiros continuarão sem reação em causas públicas??? Está mais que na hora de acordar para a realidade,pressionar vereadores, deputados e senadores, jamais ficar xingando nas esquinas e botequins da vida ou, mesmo aqui neste site 4 Rodas.
Marcelo Soares (28/06/2011 @ 16:17)
Porque as rodovias de SP são quase todas pedagiadas (80%) e o IPVA paulista é o mais caro do Brasil?Será que esse dinheiro está indo ,indevidamente, pro bolso de alguém?
Robert (28/06/2011 @ 12:43)
Esse Negócio de pedágio é uma VERGONHA um ROUBO!!!Pagamos a CIDE em cada litro de combustível para manter as estradas, pagamos IPVA e vários outros impostos, sem falar que ainda cerceam nosso direito de ir e vir, pois, não existem estradas alternativas ( Como no Exterior) para que você Opte por pagar um Pedágio tendo em vista maior comodidade/conforto ou não... O Estado de SP é um dos que mais exploram seus contribuintes,pois, esse tanto de pedágio vai refletir diretamente nos preços dos alimentos e produtos que circular por essas ROUBALHEIRAS!!!!! Sem falar que não temos o direito de pedir restituição do que gastamos nessas estradas pedagiadas, e ainda por cima, por empresas estrangeiras. As Espanholas são as piores e as que controlam a maioria e isso sim provoca evasão de divisas e perca de arrecadação com o envio de lucros para fora..... Esses gringos controlando nossas estradas, quando viajamos pro país deles somos tratados como "LIXO"....acordem Brasileiros!!!!! Principalmente abram seus olhos com esses ESPANHÓIS ( SANTANDER E AS EMPRESAS DE PEDÁGIO) Estão fortemente ligados ao PSDB e a entrega do Estado para eles nos explorarem!!!!!!!!!!!!
Gil Brother (28/06/2011 @ 12:40)
Não pagarei conta de lixo, conta de luz e nem imposto! Se cortarem minha luz eu faço bucha de corda. Se cortarem minha luz, de novo, faço fogueira dentro da minha casa. Agora eu vou viver a deus-dará! Que o meu dinheiro, suor da minha testa, não é pra filho de político ir tirar onda nas ilhas galáctas! Já estou ficando nervoso...
» TOPO
Seu Comparativo
imagem comparativo