Concessionárias afirmam aumento de até R$ 4.000 para o Kwid

Revendas e Renault dão informações divergentes quando ao preço: lojas falam em aumento, fabricante afirma que serão os mesmos da pré-venda

(Reprodução/Internet)

A pré-venda do Renault Kwid terminou ontem (31 de agosto), conforme a programação da montadora.

Quando divulgou os preços do modelo, a marca ressaltou que se tratava de um valor exclusivo para esse período de pré-venda. Especulações sobre aumentos já no lançamento do compacto começaram.

Com preços entre R$ 29.990 e R$ 39.990, há uma fila de espera de até quatro meses, segundo a Renault. Porém, o atraente anúncio abaixo da barreira dos R$ 30 mil já está com os dias contados.

Os preços podem subir entre R$ 3.000 e R$ 4.000

Os preços podem subir entre R$ 3.000 e R$ 4.000 (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Consultadas, autorizadas dos grupos RPoint, Globo Veículos e Automega afirmaram que os valores devem subir entre R$ 3.000 e R$ 4.000 a partir de 3 de agosto.

“Devemos receber a tabela de preço oficial no próprio dia 3, mas devido a alta procura acredito que os preços devem aumentar até R$ 4.000 em todas as versões”, diz o vendedor Tarcísio, da Renault RPoint em São Paulo.

Já na concessionária Automega, em Florianópolis, o vendedor Jayme informa que o aumento será de cerca de R$ 3.000 para versão de entrada. E de R$ 4.000 para as versões intermediária e topo de linha.

Quem comprar Kwid a partir de agora deve receber o carro só a partir do fim de novembro

Quem comprar Kwid a partir de agora deve receber o carro só a partir do fim de novembro (Christian Castanho/Quatro Rodas)

O lançamento do Kwid será no dia 3 de agosto, data em que os preços finais sugeridos serão divulgados.

Oficialmente, a Renault afirma que os valores praticados na pré-venda serão os mesmos do lançamento.

Segundo fontes ligadas a fábrica, o aumento de preços na tabela deve ocorrer até novembro.

E os consumidores que comprarem o modelo a partir de agora estarão sujeitos ao aumento, já que a entrega dos carros ocorrerá no final do último trimestre do ano.

Versão Zen pode ter aumento de até R$ 4.000

Versão Zen pode ter aumento de até R$ 4.000 (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Diego Ferreira De Souza

    A matéria começa com um erro grotesco: “A pré-venda do Renault Kwid terminou ontem (31 de agosto), conforme a programação da montadora”. O “ontem” aí não seria 31 de julho? Prestem mais atenção pessoal!!!

  2. Henrique Moraes

    Se isso se confirmar sera mais um tiro n’agua por parte da Renault. Nem lancaram o carro e ja querem aumentar o preço . Este carro será um natimorto. ACORDA RENAULT

  3. Alexsander Antunes

    Matéria paga (pelos concorrentes) esta aqui não? Normal à 4Rodas (A Veja do automobilismo)

  4. Cheguei a vê-lo numa concessionária, carrinho fraquinho, acabamento ruim. Não vale nem 30.000,00 cobrados, muito menos se acrescentarem mais 4 mil na conta.