BMW lança M4 GTS com sistema de injeção de água para maximizar performance

Com 69 cv a mais, cupê conseguiu completar volta em Nurburgring em 7min28s

fabricantes

A BMW preparou para o Salão de Tóquio, que será realizado no fim de outubro, um lançamento que vai agradar em cheio aos fãs de cupês de alta performance. Trata-se da versão GTS do M4, que terá apenas 700 unidades produzidas e se diferencia da configuração convencional por conta de um kit aerodinâmico mais agressivo, detalhes de design mais sofisticados e um incrível sistema de injeção de água no motor.

bmw-m4-gts-2.jpeg

Esta tecnologia é tradicionalmente utilizada na aviação (muito difundida nos caças da Segunda Guerra com enormes motores a pistão) e em competições esportivas como dragsters. O fato é que a BMW vinha desenvolvendo a injeção de água no motor há algum tempo, tendo como precursor o M4 utilizado como carro de segurança da MotoGP.

bmw-m4-gts-3.jpeg

A água é injetada no coletor de admissão, resfriando a mistura entre o combustível e o ar. Com isso, o motor 3.0 TwinPower Turbo de seis cilindros ganha momentaneamente 69 cavalos na comparação com o M4 habitual, passando de 431 para 500 cv. Conectado a uma transmissão de dupla embreagem, o modelo acelera de 0 a 100 em 3,8 segundos, alcançando a velocidade máxima de 305 km/h. Nessa configuração, o M4 GTS conseguiu completar uma volta em Nurburgring em 7min28s.

bmw-m4-gts-4.jpeg

Mas as novidades vão além da motorização. À primeira vista, já é possível perceber que o cupê tem um kit aerodinâmico bem mais agressivo, incluindo splitter dianteiro, novo capô desenhado, aerofólio traseiro feito com fibra de carbono e aletas de alumínio, difusor de fibra de carbono e sistema de exaustão de titânio. Também estão presentes itens que enobrecem o visual do modelo, como as novas rodas de liga-leve, revestidas com pneus Michelin Pilot Sport Cup 2, os faróis de LED e as lanternas de OLED – segundo a BMW, o primeiro carro de produção a ter esse tipo de dispositivo. Os freios são de cerâmica.

bmw-m4-gts-5.jpeg

Por dentro, os bancos esportivos são de fibra de carbono, revestidos com dois tipo de couro (Alcantara e Merino). O material animal também foi empregado no volante esportivo. Os cintos de segurança são de três pontos para passageiro e motorista, os dois únicos ocupantes comportados pelo M4 GTS. Isso ocorre porque o banco traseiro foi retirado, substituído por uma placa de fibra de vidro.

VEJA MAIS– BMW revela M4 equipada com partes da M Performance– BMW apresenta M4 da MotoGP

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s