publicidade

publicidade

Dafra Zig+

Club tem estilo atraente e partida elétrica

07/07/2011 17:14 - Por Ismael Baubeta

Dafra Zig+ Foto: Divulgação Dafra Zig+

Relacionadas

De visual esguio característico, com carenagem frontal que protege os joelhos do piloto, mas sem assoalho (têm pedaleiras), as cubs, apesar de mais baratas, não são tão numerosas nas ruas brasileiras. Talvez porque, em termos subjetivos, proporcionem menos status.

A Dafra Zig + é chamativa. Rodas de liga leve pretas com fita decorativa vermelha, bengalas e molas dos amortecedores traseiros também pretas, partida elétrica e freio dianteiro a disco são alguns dos seus atributos. Apesar de o conceito ser antigo - dos anos 50 -, esta cub é moderna. O farol na carenagem é monobloco, integrando os piscas com lentes translúcidas. Casa bem com o escudo frontal anguloso e com a rabeta afilada. As rodas de cinco aros de liga leve completam o pacote visual.

O motor quatro-tempos com cilindro horizontal - de 101,8 cc, gera 7,8 cv a 7500 rpm e 0,81 mkgf de torque a 6000 rpm - é econômico, mas tem respostas um pouco lentas, apesar do câmbio semiautomático rotativo de quatro marchas. As suspensões trabalham bem, copiando as irregularidades do pavimento, o que é ótimo em cidades onde não faltam buracos. O freio dianteiro a disco com dois pistões é potente para conter a cub e o traseiro a tambor é suficiente para complementar as frenagens, tudo em consonância com a capacidade do motor.

Os pneus finos aro 17 acrescentam boa aderência e equilíbrio ao conjunto de suspensão. A Zig + tem bom acabamento e deixa no passado a ideia de que essas motinhos mais baratas poderiam ser descartáveis.



VEREDICTO

Opção simples e barata - e ainda bonitinha - para percursos urbanos.

Todos os testes >>