Melhor Compra 2016: sedãs médios até R$ 100.000

As indicações de QUATRO RODAS em duas categorias: sedãs médios até R$ 80.000 e até R$ 100.000

Melhor Compra: sedãs médios até R$ 100.000

SEDÃS MÉDIOS ATÉ R$ 80.000

1° – Nissan Sentra S 2.0

Nissan Sentra S 2.0

Nissan Sentra S 2.0

É na faixa de R$ 80.000 que ocorre a primeira dança das cadeiras do Melhor Compra. O Toyota Corolla GLi 1.8 automático, vencedor do ano passado, perdeu a majestade para o Sentra 2.0 S. Que nem estava entre os três mais em 2015. Essa variação se deve pelo próprio Nissan.

Depois da reestilização, que lhe deu a nova identidade visual da marca, o modelo ficou mais atraente. Ele traz de série ESP, um elemento de segurança que o Corolla nunca teve. Conta também com sistema de chave presencial, rádio, faróis de neblina e o câmbio automático, de relações continuamente variáveis (dentre os itens citados, aliás, o Corolla GLi só tem somente o CVT).

Nissan Sentra S 2.0

Facelift também trouxe um novo painel

Por fim, o Sentra tem motor maior que o do Toyota. A potência é pouca coisa inferior (140 cv contra 144 do Corolla), mas o torque mais alto (20 mkgf contra 18,6 mkgf) compensa a diferença com sobra.

Os dois japoneses se equivalem em espaço interno e o Corolla tem a vantagem de oferecer cinco airbags, contra dois (obrigatórios por lei) do Nissan, além de um preço cerca de R$ 10.000 mais em conta. Ambos têm projetos de idade muito próximos e até os valores de seus pacotes de revisões diferem por pouco.

O que dá a vitória ao Sentra é a maior atualidade e os itens de série. Quem sabe o Corolla – com facelift previsto para o ano que vem –  não vira o jogo novamente?

Bolsa de valores
Preço R$ 79.990
Desvalorização 12,5%
Seguro R$ 2.830
Rede 160 (rede) / 94,4 (índice de satisfação na pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade 37
Equipamentos ar-condicionado, direção elétrica, chave presencial, vidros e travas elétricos, sensor de estacionamento, controles de tração e estabilidade, câmbio automático CVT, sensor crepuscular

Preço das peças
Amortecedores dianteiros R$ 918
Pastilhas de freio R$ 426
Kit de embreagem
Farol esquerdo R$ 790
Para-choque dianteiro R$ 750
Retrovisor esquerdo R$ 931
TOTAL R$ 3.815

Revisões
10.000 km R$ 249
20.000 km R$ 499
30.000 km R$ 439
40.000 km R$ 689
50.000 km R$ 439
60.000 km R$ 599
TOTAL R$ 2.914

 

2° – Citroën C4 Lounge Origine 1.6 THP automático

Citroën C4 Louge Origine 1.6 THP

Citroën C4 Louge Origine 1.6 THP

Ausente da categoria no ano passado, o C4 Lounge chega desbancando até o líder de vendas Corolla pelo pacote de equipamentos e mecânica mais atraentes. Foram as importantes novidades da linha 2017 que deram a vice-liderança ao C4 – apesar do recente aumento de preços, que o fez ultrapassar em R$ 990 o limite da categoria, ainda dentro da margem de tolerência.

Assistente de partida em rampa e ESP estão presentes desde a configuração básica – no Toyota, não são oferecidos nem opcionalmente. Piloto automático, som com Bluetooth, USB e comandos no volante e faróis de neblina são de série, assim como as saídas traseiras de ventilação.

O motor 1.6 turbo flex de 173/166 cv e o câmbio automático de seis marchas formam o conjunto mecânico mais versátil do trio finalista. Mas as revisões pedem atenção, pois são mais caras.

Bolsa de valores
Preço R$ 80.990
Desvalorização não disponível
Seguro R$ 2.905
Rede 121 (rede) / 92,4 (índice de satisfação na pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade não disponível
Equipamentos de série ar-condicionado com saída traseira, direção eletrohidráulica, piloto automático, controles de estabilidade e tração, hill assist, câmbio automático de seis marchas
Preço das peças
Amortecedores dianteiros R$ 791
Pastilhas de freio R$ 420
Kit de embreagem
Farol esquerdo R$ 1.051
Para-choque dianteiro R$ 1.031
Retrovisor esquerdo R$ 547
TOTAL R$ 3.846
Revisões
10.000 km R$ 365
20.000 km R$ 365
30.000 km R$ 365
40.000 km R$ 928
50.000 km R$ 928
60.000 km R$ 1.316
TOTAL R$ 4.267

 

3° – Toyota Corolla GLi 1.8 automático

Toyota Corolla GLi 1.8

Toyota Corolla GLi 1.8

Como já dito, o Corolla tem cinco airbags (dois frontais, dois laterais e um de joelho no lado do motorista), custa R$ 10.000 a menos que Sentra e C4 e tem ótima oferta de espaço tanto na cabine como para bagagem.

A boa fama da rede Toyota é outra arma de calibre pesado do Corolla, que, se aqui no Melhor Compra caiu do topo para o terceiro lugar, no ranking de vendas segue inabalável e isolado na liderança.

Espartano, o Corolla deixa de lado até itens simples e básicos no segmento, como rodas de liga leve, faróis de neblina, sensor de estacionamento e tela sensível ao toque. Mas sejamos justos: ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico e, claro, câmbio automático são de série. Gastos com seguro, peças e revisões não metem medo.

Bolsa de valores
Preço R$ 69.040
Desvalorização 11,4%
Seguro R$ 2.218
Rede 216 (rede) / 97,8 (índice de satisfação na pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade
Equipamentos de série ar-condicionado, cinco airbags, direção elétrica, vidros e travas elétricos, câmbio automático CVT
Preço das peças
Amortecedores dianteiros R$ 810
Pastilhas de freio R$ 252
Kit de embreagem
Farol esquerdo R$ 1.035
Para-choque dianteiro  R$ 631
Retrovisor esquerdo R$ 304
TOTAL R$ 3.032
Revisões
10.000 km R$ 249
20.000 km R$ 596
30.000 km R$ 407
40.000 km R$ 792
50.000 km R$ 381
60.000 km R$ 540
TOTAL R$ 2.965

 

SEDÃS MÉDIOS ATÉ R$ 100.000

1° Chevrolet Cruze LT 1.4 Turbo

Chevrolet Cruze LT 1.4 Turbo

Chevrolet Cruze LT 1.4 Turbo

O motor Ecotec 1.4 é um bônus: trabalha com suavidade, oferece bom nível de potência e prima pelo baixo consumo de combustível. Isso coloca o Cruze na condição de aliado do bolso a médio e longo prazo.

O espaço interno e o conforto que oferece são dignos de sedãs de categorias superiores. O conjunto de suspensão trabalha de forma silenciosa, aliando conforto e ótima estabilidade direcional mesmo em piso acidentado.

O pacote de equipamentos de série é convincente mesmo nesta versão de entrada, a LT. Além de ar-condicionado automático, oferece direção com assistência elétrica, controles de estabilidade e tração, câmbio automático de seis marchas, sistema multimídia e airbags laterais.

Chevrolet Cruze LT 1.4 Turbo

Painel do novo Cruze exibe duas telas

No acabamento, alguns pontos deixam a desejar, como o material emborrachado da alavanca do freio de mão, que risca com extrema facilidade. O Cruze norte-americano tem alguns itens inexistentes no brasileiro, como faróis de xenônio e freio de estacionamento elétrico.

A construção moderna, baseada em uma plataforma nova e modular, a D2XX, promete um bom nível de segurança. Nos EUA, o novo Cruze se saiu bem nos crash tests, mas, diferente do novo Civic, não conquistou o Top Safety Pick do IIHS (Insurance Institute for Highway Safety), selo concedido aos carros de segurança máxima.

Bolsa de valores
Preço R$ 89.990
Desvalorização não disponível
Seguro não disponível
Rede 600 (rede) / 93,1 (índice de satisfação na pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade não disponível
Equipamentos ar-condicionado digital, quatro airbags, direção elétrica, controles de tração e estabilidade, luzes DRL, sensor de estacionamento, câmera de ré, hill assist, piloto automático, câmbio automático de seis marchas
Revisões
10.000 km R$ 228
20.000 km R$ 556
30.000 km R$ 356
40.000 km R$ 600
50.000 km R$ 356
60.000 km R$ 976
TOTAL R$ 3.072

 

2° – Toyota Corolla XEi 2.0

Toyota Corolla XEi 2.0

Toyota Corolla XEi 2.0

Vendido a R$ 93.720, o Corolla XEi não é o mais barato da linha, mas também não é o mais caro, título que cabe ao Altis, de R$ 104.900. Esse equilíbrio, além do bom nível de itens de série, compõe os elementos que fazem do Toyota um competidor aguerrido ainda que ele não tenha entrado na onda dos motores de alta eficiência, como os turbinados Cruze e Jetta.

O custo de suas revisões até os 60.000 km empata com o do Jetta, mas sua cesta de peças custa menos de um terço do que a do rival alemão – R$ 3.032 ante R$ 10.138. O Corolla conta com um excelente nível de espaço tanto para pessoas como para bagagem (o porta-malas tem bons 470 litros de volume) e sua rede autorizada é uma das mais bem avaliadas do país.

Pesam contra (de novo) a falta de controles de estabilidade e tração e os números de desempenho e consumo piores que a concorrência turbinada.

Bolsa de valores
Preço R$ 93.720
Desvalorização 11,4%
Seguro R$ 2.469
Rede 216 (rede) / 97,8 (índice de satisfação da pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade
Equipamentos cinco airbags, ar-condicionado digital, direção elétrica, câmbio automático CVT, luzes DRL de led, piloto automático, multimídia com GPS, sensor crepuscular
Preço das peças
Amortecedores dianteiros R$ 810
Pastilhas de freio R$ 252
Kit de embreagem
Farol esquerdo R$ 1.035
Para-choque dianteiro R$ 631
Retrovisor esquerdo R$ 304
TOTAL R$ 3.032
Revisões
10.000 km R$ 249
20.000 km R$ 596
30.000 km R$ 407
40.000 km R$ 792
50.000 km R$ 381
60.000 km R$ 540
TOTAL R$ 2.965

 

3° – Volkswagen Jetta Trendilne 1.4 TSI automático

Volkswagen Jetta Trendline 1.4

Volkswagen Jetta Trendline 1.4

Fabricado no Brasil, o Jetta ganhou uma excelente melhoria no último ano: o motor 1.4 turbo que também equipa o Golf. Com isso, o mais barato entre os três primeiros colocados na faixa até R$ 100.000 (R$ 87.390) ganhou também um desempenho à altura dos concorrentes, aliado a uma dinâmica ao volante que continua a ser a referência no segmento.

A seu favor ainda pesa um preço de seguro de R$ 2.275, um pouco menor que o do Corolla (R$ 2.469). E se o motor é moderno e turbinado e os custos de vida após a compra (seguro e revisões) são bons, por que ele não subiu ainda mais no pódio da categoria?

O problema está na cotação das peças, com preços tão altos quanto o de sedãs premium. O visual já sente o passar dos anos, e a cabine, apesar do ótimo acabamento, também não é das mais atuais – o Jetta ainda é baseado na plataforma PQ35, a mesma do Golf de sexta geração. Em compensação, o porta-malas é enorme: 510 litros.

Bolas de valores
Preço R$ 87.390
Desvalorização 12,6%
Seguro R$ 2.275
Rede 600 (rede) / 92,2 (índice de satisfação na pesquisa Os Eleitos)
Reparabilidade
Equipamentos quatro airbags, ar-condicionado, controles de estabilidade e tração, sensores de estacionamento, direção elétrica, câmbio automático de seis marchas
Preço das peças
Amortecedores dianteiros R$ 2.524
Pastilhas de freio R$ 664
Kit de embreagem
Farol esquerdo R$ 2.809
Para-choque dianteiro R$ 2.538
Retrovisor esquerdo R$ 1.603
TOTAL R$ 10.138
Revisões
10.000 km R$ 260
20.000 km R$ 260
30.000 km R$ 846
40.000 km R$ 370
50.000 km R$ 370
60.000 km R$ 846
TOTAL R$ 2.952

 

Obs: o novo Honda Civic na versão EX 2.0 CVT (R$ 98.400) é um forte concorrente na categoria até R$ 100.000, mas tanto seu preço como o valor de peças e revisões não estavam disponíveis no fechamento da pesquisa Melhor Compra 2016.

 

MANUAL DO FUTURO PROPRIETÁRIO

Aprenda a ler as informações do Melhor Compra que fazem a diferença:

PREÇO – O valor utilizado como referência é sempre o que consta na tabela oficial divulgada pelo fabricante ou importador.

DESVALORIZAÇÃO – Calculada pela agência AutoInforme, a taxa indica quanto deprecia um modelo 0 km depois de 12 meses de uso.

SEGURO – A cotação é fornecida pela corretora on-line Segurar.com, que divulga o menor valor de cálculo entre as principais seguradoras do mercado. O perfil básico adotado é o de um homem casado, 35 anos, sem filhos, com garagem em casa e no trabalho, ambos em São Paulo.

REDE – Número de autorizadas/índice de satisfação da rede na pesquisa Os Eleitos 2015, da QUATRO RODAS, avaliada pelos donos dos 45 carros mais vendidos do país.

REPARABILIDADE – Pontuação calculada pelo Cesvi, que avalia o custo médio de reparação dos principais modelos vendidos. Quanto menor o índice, mais barato é o conserto.

EQUIPAMENTOS – Principais itens de série. Os itens airbag e ABS são obrigatórios por lei.

PEÇAS – Cesta com os componentes mais utilizados na manutenção do veículo. Os preços foram fornecidos pela C&F Consultoria Empresarial e montadoras.

REVISÕES – Valor das inspeções previstas no plano de manutenção pelo fabricante ou importador até os 60.000 km.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Rodrigo Souza

    Que tal um melhor compra KICKS X CRETA!