QUATRO RODAS - Ford Focus
Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Up
  • Onix
  • Duster
  • HB 20
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Golf
  • Focus
  • New Fiesta
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | Usado do mês
Ford Focus
Dezembro 2004

Ford Focus

Se o design é do tipo "ame-o ou deixe-o", tem a grande vantagem de ser igual ao do zero-quilômetro

Por Alexandre Ramos | Fotos: Marco de Bari
Lista de matérias por data:

ALTERAR O TAMANHO DA LETRA  

No Focus hatch, o design é ao mesmo tempo aliado e inimigo. Explica-se: assim como o Ka, ou se adora o carro de imediato ou se detesta. A razão é seu estilo marcante, chamado de New Edge, com linhas vincadas e ângulos evidentes. Porém, independentemente da opinião sobre esse estilo, ele mantém-se vivo até hoje, o que faz com que o dono de um modelo antigo se sinta ao volante de um zero-quilômetro.

Vencida a barreira do desenho, o Focus mostra-se espaçoso e confortável, além de apresentar bom desempenho em qualquer de suas motorizações. Lançado no Brasil em outubro de 2000, pode ser encontrado nas versões 1.8 16V de 115 cavalos ou 2.0 16V de 130 - apenas a partir do modelo 2004 é que foi adotado o motor 1.6, com seus 103 cavalos.

Entre as queixas, está o atendimento das concessionárias. Demora no conserto, falta de resolução dos problemas e peças caras são as principais críticas em relação à assistência técnica prestada pelas revendas da marca. A desculpa dos concessionários vem do fato de o carro ser fabricado na Argentina, o que se refletiria no preço e na disponibilidade das peças.

A suspensão dianteira também desagrada, devido ao excesso de ruídos, provenientes dos batentes de amortecedores e das buchas. Na hora da compra verifique o estado dessas peças e observe se a parte inferior não foi lavada recentemente ou está impregnada de óleo de mamona. Uma lavagem por baixo costuma atenuar os ruídos por algum tempo, dificultando a percepção do problema.


Onde o bicho pega

DIREÇÃO
Ao passar por buracos ou piso irregular, o volante parece que está levemente solto? É problema da caixa de direção, que pode estar com problema nas fixações. Ruídos estranhos também denunciam o defeito

ABERTURA DO CAPÔ
Verifique se a chave do carro abre a fechadura do capô, que fica escondida atrás do logotipo da grade dianteira

BOMBA DE COMBUSTÍVEL
Com o consumo de combustível adulterado, defeitos na bomba não são privilégio do Focus. Mas o que chama a atenção aqui é que o problema pode se manifestar em carros com baixa quilometragem

TRASEIRA
A tampa do porta-malas e o tampão que cobre o bagageiro podem gerar excesso de ruído. A causa pode estar em parafusos de fixação mal colocados ou suportes quebrados

CARPETE
Se você encontrar umidade no carpete em frente ao banco dianteiro direito, é porque ou há infiltração na porta ou problemas no dreno da água que se forma no condensador do ar-condicionado


A voz do dono
"O design é um dos pontos fortes do meu Focus 2.0 Ghia 2001. O carro não envelhece e ninguém consegue diferenciar um ano-modelo de outro. Todos são muito parecidos. O que me incomoda são os ruídos internos, especialmente o que vem da caixa de direção. No geral, estou satisfeito com o veículo e até trocaria por outro, zero-quilômetro. Gostaria que a Ford lançasse no Brasil a mesma versão que está à venda na Europa, mais moderna."

Denílson Batista Braga, 33 anos, Maceió (AL)

Nós dissemos
"Em conforto e acabamento, os três modelos (Focus 1.8 16V, Brava 1.6 16V e Golf 2.0) estão no mesmo nível. Mas o modelo da Ford se destaca por oferecer a melhor posição ao volante e por ter comandos mais acessíveis. Fora isso, é o que apresenta painel de desenho mais arrojado. (...) Dos dez itens analisados neste comparativo, o Focus levou ligeira vantagem na média geral, seguido muito de perto pelo Golf e pelo Brava."

QUATRO RODAS, outubro de 2000


Esportivo só no seguro

Em 2003 a Ford lançou uma série esportiva denominada XR. Equipada com o mesmo motor 2.0 16V da versão Ghia, trazia apenas alguns detalhes estéticos, como rodas de liga aro 16, faróis com lentes fumê, aerofólio e grade dianteira no estilo colméia. Apesar de ser um esportivo apenas na aparência, não passa de um Focus 2.0. Mas, na hora de fazer o seguro, o assunto é outro. Algumas companhias classificam o XR como um autêntico esportivo, o que pode se traduzir em um preço até 30% maior. Mas saiba que há empresas que cobram o mesmo valor da versão Ghia. Portanto, antes de assinar o contrato, verifique qual é caso da sua seguradora.


Preço de peças*

ORIGINAL
Pára-choque dianteiro - 670
Pastilhas dianteiras (jogo) - 175
Espelho esquerdo elétrico - 262
Farol esquerdo elétrico - 830
Lanterna esquerda - 318
Amortecedor dianteiro (cada) - 185
Pára-brisa - 740

PARALELO
Pára-choque dianteiro - 350
Pastilhas dianteiras (jogo) - 100
Espelho esquerdo elétrico - 250
Farol esquerdo elétrico - 400
Lanterna esquerda - 150
Amortecedor dianteiro (cada) - 130
Pára-brisa - 410

*Para o Focus Hatch 138 2001


Preços médios dos usados (em reais)*

2000
1.8 16V - 27 000
GL 1.6 - -
GL 1.8 16V - -
GLX 1.6 - -
GLX 1.8 16V - -
GLX 2.0 16V - -
Ghia 2.0 16V - 29 100

2001
1.8 16V - 27 800
GL 1.6 - -
GL 1.8 16V - -
GLX 1.6 - -
GLX 1.8 16V - -
GLX 2.0 16V - -
Ghia 2.0 16V - 30 000

2002
1.8 16V - 28 800
GL 1.6 - -
GL 1.8 16V - 28 800
GLX 1.6 - -
GLX 1.8 16V - 33 300
GLX 2.0 16V - -
Ghia 2.0 16V - 32 800

2003
1.8 16V - 31 800
GL 1.6 - 31 800
GL 1.8 16V - 31 800
GLX 1.6 - 33 700
GLX 1.8 16V - 34 300
GLX 2.0 16V - 36 400
Ghia 2.0 16V - 36 500

FONTE: FIPE

* Valores apurados em NOVEMBRO

Reportagem publicada na edição extra de dezembro de 2004 da revista QUATRO RODAS





» FOTOS


Publicidade