Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Up
  • Onix
  • Duster
  • HB 20
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Golf
  • Focus
  • New Fiesta
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | testes
Mitsubishi L200 Triton HPE 3.2 Diesel
Novembro 2007

Mitsubishi L200 Triton HPE 3.2 Diesel

Vo visual: A Triton encara pistas curtas e longas, de asfalto ou de terra, tudo com conforto de classe executiva

Por PAULO CAMPO GRANDE | FOTOS MARCO DE BARI
Lista de matrias por data:

ALTERAR O TAMANHO DA LETRA  

Enquanto o borbulhante mercado de carros de passeio vive em constante mutao, a temperatura do segmento de picapes no Brasil pode ser classificada de morna no que se refere ao departamento de mudanas. Alteraes mais significativas ou mudanas de geraes so to freqentes quanto eclipses solares. A justificativa das fbricas que o mercado brasileiro ainda lento no retorno dos investimentos feitos em novos projetos. A safra que est por vir, no entanto, promete. A Nissan vai apresentar a nova Frontier (importada) este ms, GM e Ford esto se mexendo (em relao a S10 e Ranger) e logo haver novos competidores no segmento, como a Fiat em parceria com a indiana Tata. A Mitsubishi j apresenta o fruto do desenvolvimento iniciado abril de 2006 e lana a nova L200 Triton. A gerao anterior da picape era produzida desde que a Mitsubishi comeou suas atividades no Brasil, em 1999. A Toyota Hilux lanada em 2005 foi mais que um estmulo para a Mitsubishi no querer ficar para trs.

A nova L200 Triton, que chega s lojas este ms, no aposenta a L200 antiga, que, justia seja feita, evoluiu consideravelmente ao longo dos anos. Mas a Triton representa um grande avano em relao a sua antecessora. Sua construo incorpora conceitos modernos de engenharia, o que inclui um novo sistema de absoro de impactos com deformao controlada. O motor 2.5 de 141 cv da L200 HPE, alimentado por bomba de presso, cedeu lugar ao novo 3.2 de 165 cv que conta com injeo eletrnica direta do tipo common-rail. Mais potente e econmico e mais limpo e silencioso.

Para que as duas linhas convivam em harmonia, desde o ano passado a Mitsubishi reposicionou os preos das verses da L200, preparando o terreno para a Triton. A L200 continuar com as opes L200 GL, Outdoor GLS e Outdoor HPE. A Triton ter apenas uma verso de acabamento, HPE, com trs possibilidades mecnicas: motor 3.5 V6 a gasolina de 200 cv, com cmbio automtico, e 3.2 diesel de quatro cilindros, com cmbio manual ou automtico. A transmisso manual tem cinco marchas e a automtica, quatro. O preo da verso diesel automtica mostrada aqui de 119990 reais.

O teste que fizemos com a Triton foge do padro da revista, uma vez que no foi feito em nossa pista. Aconteceu em uma estrada deserta na regio de Catalo (GO), prxima ao roteiro organizado pela fbrica para o test-drive. Mas, como seguimos nossa metodologia risca, os resultados podem ser considerados fiis e comparveis. Apesar de outras condies do asfalto e das diferenas climticas em relao ao que encontramos em Limeira, a Triton se saiu bem frente a outras picapes avaliadas por ns anteriormente. Ela acelerou de 0 a 100 km/h em 13,2 segundos - tempo bem prximo da Hilux, com 12,9 segundos, e superior aos da Frontier, da Ranger e da S10 testadas em outubro de 2005. Comparada L200 Outdoor, colocada prova em fevereiro deste ano, a Triton foi ainda melhor, por que a Outdoor ficou com o tempo de 15,6 segundos. Nas medies do consumo de combustvel, a Triton manteve a mdia das rivais, com as marcas de 10,6 km/l na cidade e 15,2 km/l na estrada.

O test-drive organizado pela Mitsubishi percorreu vias pavimentadas e tambm estradas de terra. O roteiro passou por trilhas conhecidas na regio como "o caminho do leite". So caminhos usados pelos caminhes dos produtores de leite que todas as manhs passam recolhendo a produo. O percurso margeia as fazendas e cheio de curvas, ladeiras e obstculos como mata-burros e elevaes que, dependendo da velocidade, podem fazer a picape decolar, como na foto que abre este teste.

Na terra, a L200 Triton demonstrou valentia e resistncia. Depois de alguns saltos, ela voltou para o asfalto como se nada tivesse acontecido. Nem um rudo novo sequer. No asfalto, apesar da robustez, a Triton mais parece um automvel de luxo. Sua direo assistida diminui o esforo e permite manobras em espao relativamente pequeno. Seu dimetro de giro, de 11,8 metros, 1 metro menor que o da L200 Outdoor. A suspenso permite que a carroceria oscile para absorver melhor os impactos do terreno. Um piloto de rali diria que a calibragem do conjunto ficou macia demais. Mas para um motorista que vai usar a picape no asfalto est ideal.

O painel completo e bem acabado, com diferentes cores e texturas e instrumentos circulares sobrepostos, como nos cobiados Porsche 911. O couro de srie nos bancos, assim como no volante e nas alavancas da transmisso. Esqueceram apenas de cobrir o freio de mo. A cabine maior que a da L200 Outdoor. Para quem viaja no banco traseiro, no tem comparao. H espao para trs pessoas e as pernas no precisam ficar contradas. A Triton tem 3 metros de entreeixos, contra 2,96 metros da L200 Outdoor. Mas, segundo a fbrica, o que permitiu melhor aproveitamento do espao interno foi o design original da cabine, que por fora divide opinies quanto ao gosto.

A Triton tambm lembra um carro de passeio nos equipamentos. Na cabine h 18 porta-trecos e sete luzes de cortesia. Todos os itens que se vem nas fotos so de srie. Do sistema de som, com entradas para iPod e USB, ao computador de bordo de dez funes (relgio, altmetro, bssola, barmetro, termmetro, calendrio, dois hodmetros parciais, consumo, velocidade mdia e autonomia), passando pelo ar-condicionado automtico. A verso diesel, por ter o motor mais barulhento que a gasolina, recebeu cuidados especiais no isolamento acstico da cabine, com a instalao de forraes internas extras e dupla vedao das portas.

O sistema de trao, chamado de Easy Select 4WD, permite a seleo mecnica de trs modos: 4x2, com trao traseira, recomendado para uso urbano e rodovirio; 4x4, ideal para pistas de baixa aderncia; e 4x4 reduzida, indicada para a transposio de obstculos, tarefa auxiliada pelo diferencial traseiro de escorregamento limitado, que transfere a trao para a roda que necessita de fora. Em nosso test-drive, engatamos a trao 4x4 apenas porque estava no roteiro. A picape, calada com pneus de uso misto, se vira bem na terra mesmo com trao 4x2. O bom comportamento tanto na terra como no asfalto, somado ao design atraente, deve tambm fazer com que a nova L200 trafegue com desenvoltura pelo mercado e espete a concorrncia, num terreno que tende a se tornar mais movedio nos prximos tempos.


MITO

A Mitsubishi diz que o nome da L200 mitolgico. As trs marcas que aparecem na picape seriam referncias ao tridente do deus Triton, filho de Poseidon. Mas isso no encontra respaldo nos textos clssicos. Na mitologia grega, o dono do tridente no Triton e sim Poseidon, deus das guas que inspirou a figura de Netuno, na mitologia romana. Esse tridente o mesmo que a italiana Maserati usa em seu emblema.


DIREO, FREIO E SUSPENSO
O dimetro de giro foi reduzido, o ABS de srie e a suspenso cumpre bem o papel de ter duas caras, uma para o asfalto e outra para a terra.
★★★★

MOTOR E CMBIO
O cmbio administra bem os 165 cv do motor. A trao 4x4 pode ser engatada com a picape em movimento.
★★★★★

CARROCERIA
O design moderno, embora o estilo no seja uma unanimidade. A cabine espaosa e tem acabamento de primeira qualidade.
★★★★

VIDA A BORDO
A picape completa e fcil de dirigir e oferece conforto para todos os ocupantes.
★★★★★

SEGURANA
Seu comportamento exemplar. Apesar do centro de gravidade elevado, a Triton transmite confiana nas curvas e nas frenagens.
★★★★★

SEU BOLSO
A verso a gasolina ter vendas menores (15% do mix), mas atende a um tipo de consumidor que no tinha opo na linha da L200 anterior.
★★★★


GEOMETRIA


A RIVAL


- Toyota Hilux SRV 3.0 D aut.
A briga vai ser boa. A Triton parece feita sob medida para brigar com a Hilux. Elas esto muito prximas em preo, motorizao e acabamento.


VEREDICTO

A Triton chega com preo na faixa das picapes topode- linha, mas entrega o que se espera. O acabamento de boa qualidade, o pacote de equipamentos completo e seu conjunto est bem adaptado para o uso misto a que se prope. No visual, ela mais interessante por dentro ou vista de frente





» FOTOS


Publicidade