Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Novo Corolla
  • Up
  • Logan
  • HB 20
  • Prisma
  • Novo Ka
  • Golf VII
  • Focus
  • Tracker
  • New Fiesta
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | testes
Celta 1.4 Energy
Setembro 2003

Celta 1.4 Energy

O motor 1.4 o mais forte sinal da evoluo do carrinho que queria ser o mais barato popular.

Por Paulo Campo Grande / fotos Marco de Bari
Lista de matrias por data:

ALTERAR O TAMANHO DA LETRA  

O Celta se antecipou tendncia que prega o despojamento como forma de ganhar mercado. Sua proposta original, que permaneceu at o lanamento no final de 2000, era a de ser o popular mais barato do mercado. No conseguiu. Foi apresentado em uma nica verso, com motor 1.0 e uma simplicidade digna de monge tibetano, e mesmo assim no conseguiu bater o Uno Mille em preo. Com o passar do tempo,
para atender as expectativas dos compradores e seguindo na contramo de alguns concorrentes, ele foi incorporando equipamentos e recebendo mais ateno no acabamento. Agora, a linha 2004 chega com a opo do motor 1.4 na nova verso de acabamento Energy. No total, so oito as verses disponveis. Desde as bsicas, equipadas com motor 1.0 ou 1.4, at a 1.4 Energy, passando pela 1.0 Super. Com duas ou quatro portas.

A famlia inteira traz novidades. Todas as verses ganharam nova textura no painel, que causa melhor impresso que a anterior. O volante de trs raios acolchoado (pois , antes era de plstico
rgido). Tanto no console quanto no gabinete dos instrumentos foram introduzidos apliques na cor azul, os quais primeira vista no nos agradaram. J a cor prata, presente na verso Energy que aparece nas fotos, caiu bem melhor.

O Celta 1.4 Energy o que rene maior nmero de novidades e tambm o mais caro. Enquanto o Celta 1.0 de duas portas bsico custa 17961 reais, o 1.4 Energy quatro portas sai por 21936 reais. Externamente, a verso identificada pelo emblema "Energy" afixado nas portas dianteiras. Mas, como exemplar mais completo da linha,
incorpora tambm as melhorias do pacote Super. Ou seja: pra-choques na cor da carroceria e pra-brisa degrad. No interior, o modelo se diferencia ainda pela melhor qualidade do tecido dos bancos e pela presena de um conta-giros no painel - o que em nossa opinio deveria ser um item de srie em todos os carros, pois ajuda o motorista a usar melhor o motor e funciona at como item de segurana, durante uma ultrapassagem.

Na pista, o novo motor 1.4, de 85 cavalos, deixa o 1.0 de 70 cavalos na saudade. Nas provas de 0 a 100 km/h, o Celta 1.4 fez o tempo de 12,7 segundos, contra os 17,3 segundos conseguidos pelo Celta 1.0 VHC, avaliado na edio de julho de 2002. Nos dois testes, os carros eram verses de cinco portas, pesando 870 quilos cada. Na retomada de 40 a 80 km/h, o 1.4 foi um segundo mais rpido, com o tempo de 7,9 segundos, enquanto o 1.0 levou 8,9 segundos. Melhor performance igual a maior consumo, certo? Nem tanto, neste caso. As marcas de consumo do 1.4 foram bem prximas das obtidas pelo 1.0. O primeiro fez as mdias de 8,4 km/l na cidade e 14,4 km/l na estrada, e o segundo, 8,6 e 15,2 km/l, respectivamente. A explicao para isso est no fato de o motor 1.0 trabalhar sempre mais prximo de seu limite,
situao em que o consumo maior. O 1.4, com flego extra, trabalha com mais folga. Alm disso, a relao do diferencial do 1.4 mais longa, o que favorece a economia, pois o motor gira em rotao mais baixa (a relao do diferencial no 1.4 de 3,94:1, contra 4,87:1 do 1.0). O ganho de consumo tambm fruto da relao peso/potncia, que no 1.4 de 10,2 kg/cv e no 1.0 de 12,4 kg/cv.

O novo motor do Celta descende da famlia I da GM, que hoje est nas linhas Celta, Corsa e Meriva. No passado, com o mesmo deslocamento de 1,4 litro, equipou o Corsa GL 1.4, lanado em 1994. Na poca, rendia apenas 60 cavalos. Agora, com a troca do sistema de injeo single point pelo multipoint, entre outras melhorias, gera 85 cavalos. Esse motor revigorado o mais potente entre os 1.4 lanados recentemente no Brasil. O do Citron C3 tem 75 cavalos e o Honda Fit, 80 cavalos.

A essa altura voc deve estar se perguntando se a engenharia da GM adotou a mesma taxa de compresso empregada no motor 1.0 VHC, de alta compresso. Errou quem apostou que sim. A taxa do motor 1.0 VHC de 12,6:1 e a do 1.4 de 9,8:1. Segundo o diretor de engenharia, Pedro Manuchakian, a GM at estudou a possibilidade de aumentar a taxa do motor 1.4. Mas essa mudana no se mostrou to simples. De acordo com o engenheiro, no motor 1.4 a queima do combustvel no ocorre da mesma forma que no 1.0. Isso estaria relacionado ao maior dimetro dos cilindros. Nesse caso, o motor com maior deslocamento
ficou mais propenso autodetonao, com o uso de combustvel de octanagem regular, do que o 1.0. Nada impede, porm, que no futuro o Celta venha a ter um motor 1.4 VHC. "Ns continuamos com nossas pesquisas", afirma Manuchakian.

Os 15 cavalos que o Celta 1.4 tem a mais que o 1.0 VHC fizeram a diferena no s no teste de desempenho, mas tambm na simulao de uso normal que realizamos no campo de provas da General Motors, em Indaiatuba, interior de So Paulo. Ali h um circuito especfico para esse fim, com trechos planos e de subida de serra. Dirigindo sem pressa, com duas pessoas a bordo (motorista e um passageiro) e com o ar-condicionado ligado, no sentimos a necessidade de acelerar mais para compensar a falta de fora no motor, nas rampas ou nas arrancadas - situao que os donos de modelos 1.0 conhecem muito bem.

Afora o desempenho, o Celta 1.4 Energy se comporta como um tpico Celta. O mesmo peso do volante e as mesmas respostas do freio. At o som do motor parece ter o mesmo timbre. Os bancos, na verso Energy, so mais confortveis, graas ao tecido de melhor qualidade. Mas o espao interno no sofreu alterao. Ou seja, no Celta cabem quatro pessoas, com os passageiros de trs viajando com algum aperto. Na unidade testada, a suspenso pareceu mais macia. Durante a avaliao, a carroceria oscilava na vertical, ao passar por irregularidades, e inclinava-se mais do que o considerado normal para um Celta, nas curvas (rolling). Segundo a GM, porm, no houve mudanas na calibragem do sistema.

Para quem quiser personalizar o seu Celta 1.4 Energy, h uma lista com 50 itens de opcionais. Alm dos tradicionais spoilers, saias e aeroflios, o pacote inclui equipamentos como CD player com MP3, cadeirinha de segurana para crianas, alarme e vidros e travas eltricas. Para um modelo em que na primeira verso, lanada em 2000, os opcionais eram apenas protetor de crter, desembaador do vidro traseiro e temporizador para o limpador do pra-brisa, entre outros recursos de mesma relevncia, o nmero de opes engordou consideravelmente. , o garoto evoluiu.

> Avaliao

Ficha tcnica

Motor
Dianteiro, transversal, 4 cililndros em linha, 8 vlvulas
Cilindrada: 1389 cm3
Dimetro x curso: 77,6 x 73,4 mm
Taxa de compresso: 9,8:1
Potncia: 85 cv a 5800 rpm
Torque: 11,8 kgfm a 3000 rpm

Cmbio
Manual de 5 marchas, trao dianteira;
I. 3,73;
II. 2,14;
III. 1,41;
IV. 1,12;
V. 0,89.
R 3,31;
Diferencial 3,94;
Rotao do motor a 100 km/h em V - 3000 rpm

Carroceria
Dimenses:
Comprimento, 375 cm;
largura, 177 cm;
altura, 143 cm;
entre-eixos, 244 cm
Peso: 870 kg
Peso/potncia: 10,2 kg/cv
Peso/torque: 73,7 kg/kgfm
Volumes:
Porta-malas 260 l,
tanque de combustvel, 46 l

Suspenso
Dianteira: Independente, tipo McPherson, com molas helicoidais e amortecedores a gs
Traseira: Semi-independente, com braos oscilantes, molas tipo barril, barra de toro
e amortecedores a gs

Freios
Disco ventilado na dianteira e tambor na traseira

Direo
Tipo pinho e cremalheira, sem assistncia; dimetro de giro 10,4 metros;
4,3 voltas entre batentes

Rodas e pneus
Ao, aro 13; Goodyear GPS3 165/70 R13

Principais equipamentos de srie
Barras de proteo laterais, cintos de segurana dianteiros de trs pontos com regulagem de altura, imobilizador do motor, vidros verdes, retrovisores com controle interno manual, tomada 12V, pra-choques na cor da carroceria, protetor de crter, lavador e limpador do vidro traseiro, ar-condicionado e conta-giros.

garantia
1 ano sem limite de quilometragem

Preo
21936 reais





» FOTOS


Publicidade