Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Novo Sandero
  • Vezel
  • Novo Fox
  • Duster
  • HB 20
  • Golf
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Saveiro cab dupla
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | Lançamentos
JAC J6
Agosto 2011

JAC J6

Depois de sacudir o segmento de compactos, chinesa quer cativar as famílias

Por Vitor Matsubara / fotos: divulgação
Lista de matérias por data:

TAMANHO DA LETRA  

Com menos de seis meses no país, a JAC Motors fez a concorrência se mexer. Sua estratégia agressiva que foca na relação custo/benefício fez as marcas mais tradicionais reduzirem os preços ou adicionarem novos equipamentos a seus carros, tudo na tentativa de neutralizar as novidades chinesas. A marca asiática se diz feliz com os resultados, mas quer mais. Prova disso é o lançamento de seu terceiro produto, o J6.
 
 

Assim como a linha J3, o J6 quer cativar o brasileiro pelo lado racional. A receita é conhecida: desenho atraente (assinado pelo estúdio italiano Pininfarina), garantia de seis anos e uma generosa lista de equipamentos.

Para atender as famílias mais numerosas, a minivan será oferecida com versões de cinco ou sete lugares (esta chamada de Diamond). No caso da segunda opção, os bancos extras podem ser facilmente rebatidos - e até retirados da cabine de seus carros, ampliando o espaço para bagagens de 198 litros para 720 litros. Sem as duas fileiras de bancos, o J6 comporta até 2.200 litros.

O preço é outro fator que conta pontos valiosos a favor da montadora chinesa. O J6 com cinco lugares sai por 58.800 reais, enquanto que o J6 Diamond tem valor sugerido de 59.800 reais.

Como diz o apresentador Fausto Silva nos comerciais da marca, o J6 é "completão". De série, tem ar-condicionado digital, direção hidráulica, rádio CD Player com entrada auxiliar micro-USB (e adaptador para USB incluso) e seis alto-falantes, rodas de liga leve de 16 polegadas, volante multifuncional revestido em couro, retrovisores com luzes de seta, faróis de neblina, trio elétrico, palhetas do tipo flat-blade, banco do motorista com regulagem de altura, freios ABS com EBD, bancos revestidos em veludo e sensor de estacionamento traseiro.

Na versão Diamond, a lista de opcionais inclui rodas de 17 polegadas (1.600 reais), bancos de couro (vendido como acessório nas concessionárias por 1.400 reais no J6 e 1.800 reais no J6 Diamond) e pintura metálica, ao preço de 1.190 reais.

O motor que equipa o J6 é um 2.0 com 16 válvulas, desenvolvido pela JAC especialmente para o mercado brasileiro - na China ela usa um propulsor 1.8 fabricado pela Mitsubishi. O conjunto de 2-litros gera 136 cv a 5.500 rpm e torque máximo de 19,07 mkgf.a 4.000 rpm. Segundo dados fornecidos pela JAC, o J6 acelera de 0 a 100 km/h em 13,1 segundos e atinge a velocidade máxima de 183 km/h.

Orgulhoso de seu novo produto, o presidente da JAC do Brasil, Sergio Habib, afirmou que o J6 é um carro sem concorrentes. No entanto, em sua própria apresentação à imprensa, o executivo confrontou o modelo com Chevrolet Zafira, Citroën Xsara Picasso e Nissan Grand Livina.

Embora seja mais equipado que os rivais, o J6 leva desvantagem por não oferecer a opção de transmissão automática - fato reconhecido pelo próprio Habib, que afirmou que a comodidade ainda vai demorar um pouco para ser ofertada ao público. Mesmo assim, a JAC espera vender entre 1.000 e 1.500 unidades até o fim de 2011. A meta pode ser até otimista demais. Mas convém não duvidar de uma empresa que sequer existia um ano atrás...





» FOTOS


Publicidade