Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Novo Sandero
  • Vezel
  • Novo Fox
  • Duster
  • HB 20
  • Golf
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Saveiro cab dupla
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | Lançamentos
Fiat Punto 2013
Julho 2012

Fiat Punto 2013

Reestilização e novo motor 1.4 colocam o hatch de volta na briga pelo topo

Por Vitor Matsubara | Fotos: divulgação
Lista de matÉrias por data:

TAMANHO DA LETRA  

Vida de irmão mais velho não é fácil. Antes o queridinho da família, o Punto já não desfrutava do mesmo prestígio de 2007. Naquele tempo, ocupava o posto de preferido da Fiat e o Volkswagen Polo era seu único rival. Hoje a história mudou: a concorrência se fortaleceu ea chegada do caçula Palio renegaram o Punto ao posto de coadjuvante. Já tinha passado da hora de mudar.

A renovação visual foi discreta, mas suficiente para deixar o Punto 2013 bastante diferente de seu antecessor. Mudaram o desenho dos para-choques e principalmente o interior. Na frente, a antiga grade dividida em duas seções foi trocada por uma vistosa tomada de ar na parte inferior, abaixo da grade cromada que lembra os pequenos 500 e Palio. Atrás, as lanternas com nova disposição de luzes combinam com o estilo do novo para-choque.

O interior ficou mais elegante, com acabamento em dois tons e saídas de ar redondas com detalhes cromados. O quadro de instrumentos também foi redesenhado e o rádio integrado ao console central ganhou um toque de elegância com o visor azulado. Na versão esportiva T-Jet, o acabamento do painel e os detalhes do painel repetem a cor do exterior.

As novidades não se limitam ao visual. O novo Punto ganhou o sistema ESS (que sinaliza frenagens de emergência), Blue & Me com eco:Drive (analisa as rotas percorridas pelo motorista e salva os dados em relatórios que podem ser visualizados posteriormente), novo câmbio Dualogic Plus e a oferta do pacote HSD - composto por airbag duplo e freios ABS - como item de série em todas as versões.

Para a versão T-Jet, o Novo Punto traz ainda o Seletor DNA, um sistema que ajusta a dirigibilidade de acordo com a preferência do motorista e oferecido apenas no T-Jet. No modo Dinâmico, o sistema aumenta a proporção entre o curso do pedal do acelerador e a abertura da borboleta, deixando as respostas do motor mais rápidas. O modo Normal não muda as características do motor, enquanto o modo Autonomia indica os momentos exatos para realizar as trocas de marcha, educando o motorista a conduzir de forma mais econômica.

São quatro opções de motorização: E.torQ 1.6 16V, E.torQ 1.8 16V, 1.4 16V Turbo e o Fire Evo 1.4, este último já usado no Novo Uno, mas inédito na linha Punto. Na versão Attractive, ele entrega 88 cv com etanol e 85 cv se a escolha recair sobre a gasolina. O motor 1.6 equipa a opção Essence, enquanto a Sporting vem apenas com o 1.8. A motorização turbinada, com 152 cv, é exclusividade do T-Jet.

Todas as versões contam, de série, com itens como direção hidráulica, HSD (airbag duplo e freios ABS), ESS (Emergency Stop Signaling), vidros elétricos dianteiros com funções um toque e antiesmagamento, lanterna traseira com LEDs, banco do motorista com regulagem de altura, abertura interna da tampa do tanque de combustível, computador de bordo, desembaçador do vidro traseiro, limpador traseiro, My Car Fiat, travas elétricas, travamento automático das portas a 20 km/h e volante com regulagem de altura.

A versão Essence acrescenta ar-condicionado, chave canivete com telecomando, retrovisores elétricos e faróis de neblina, sendo que a versão Dualogic oferece câmbio automatizado e piloto automático. A Sporting agrega rádio CD Player com reprodução de arquivos em MP3 com USB, rodas de liga leve de 16 polegadas, volante multifuncional revestido em couro, iluminação interna com efeito Night Design, spoiler traseiro e minissaia lateral, friso lateral na cor do veículo, pedaleiras esportivas, cintos de segurança na cor vermelha e ponteira de escapamento com saída dupla cromada.

Já a T-Jet soma vidros traseiros elétricos, banco traseiro bipartido com descansa-braço central, bancos esportivos, rodas de liga leve de 17 polegadas, piloto automático, Blue&Me, rádio CD Player com reprodução de arquivos em MP3, sensor de estacionamento traseiro, Seletor DNA, volante com base quadrada, faixas decorativas e som com subwoofer. Ar-condicionado automático, alarme antifurto, teto solar, sensores de chuva e crepuscular, retrovisor interno eletrocrômico, airbags laterais e do tipo cortina e Blue&Me NAV estão entre os opcionais da opção esportiva.

Veja os preços da linha Punto 2013:

Fiat Punto Attractive 1.4: R$ 38.570
Fiat Punto Essence 1.6 16V: R$ 41.750
Fiat Punto Essence Dualogic 1.6 16V: R$ 44.140
Fiat Punto Sporting 1.8 16V: R$ 46.400
Fiat Punto Sporting Dualogic 1.8 16V: R$ 48.770
Fiat Punto T-Jet 1.4 16V: R$ 55.740

 


 

Impressões ao Dirigir:

No test-drive realizado durante o evento de lançamento, em São Paulo, dirigimos a versão T-Jet. Sua "pegada" esportiva é notada logo de cara por conta do visual invocado. Para-choques exclusivos, belas rodas de liga leve de 17 polegadas e o ronco mais encorpado que sai da ponteira dupla de escapamento mostram que aquele não é um Punto qualquer.

A impressão vira certeza quando se assume o volante do T-Jet: o motor 1.4 turbo de 152 cv não nega fogo quando convocado para trabalhar e embala o Punto rapidamente. É preciso cautela para não ultrapassar os limites de velocidade. E um pouco de visão boa também: os números pequenos do velocímetro dificultam a visualização.

Com o seletor DNA no modo Dynamic, o Punto fica mais nervoso. O acelerador responde prontamente e as trocas de marcha precisas do bom câmbio manual - nada de Dualogic aqui! - tornam a condução bastante prazerosa. O T-Jet também se comporta bem nas curvas graças à suspensão esportiva, embora a tradicional calibragem mais mole dos carros Fiat ainda seja notada no Punto.

A versão T-Jet não é a mais recomendada para quem roda na cidade o tempo todo. Mas é a pedida ideal para o motorista que não se importa em enfrentar o trânsito por saber que tem um carro para acelerar mais forte quando for possível.





» FOTOS


Publicidade