Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Novo Corolla
  • Up
  • Logan
  • HB 20
  • Prisma
  • Novo Ka
  • Golf VII
  • Focus
  • Tracker
  • New Fiesta
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | Comparativos
Hyundai Tucson 2.0 GLS x Honda CR-V LX 2WD
Maio 2008

Hyundai Tucson 2.0 GLS x Honda CR-V LX 2WD

Na trilha do líder: O CR-V baixou de preço e está atrás da audiência do Tucson. Será que tem atrações para isso?

Por Paulo Campo Grande | Fotos: Marco de Bari
Lista de matérias por data:

ALTERAR O TAMANHO DA LETRA  

O Hyundai Tucson caiu nas graças do público e se tornou um sucesso de vendas. Como não poderia deixar de ser, essa confortável posição o coloca na mira da concorrência. A mais nova investida é da Honda, que criou uma versão mais simples do CR-V, com redução de preço. A versão 4x4 caiu de 123 000 para 110000 reais e a nova 4x2 estréia a 94 500 reais.

Em 2007, o Tucson foi o líder absoluto do segmento de utilitários esportivos importados. No primeiro trimestre deste ano, manteve a ponta com 4969 unidades emplacadas, contra 1269 do segundo colocado, que é o Kia Sportage. O Honda CR-V, com apenas 191 unidades, estava "fora do mercado", como dizem os comerciantes do setor.

Neste comparativo alinhamos a versão GLS 2.0 4x2 automática do Tucson - que custa 82 000 reais - com a LX 2.0 4x2, do CR-V. O Honda ainda custa mais caro. Mas o confronto entre os dois importados no mercado ficou mais equilibrado.

O design do Tucson é claramente mais agressivo, com um visual próprio de jipe, com suas linhas bem definidas e superfícies volumosas. O CR-V, por sua vez, com seus contornos mais suaves e elegantes, lembra um carro de luxo. Repare no destaque da grade dianteira dupla e no friso cromado que delineia toda a área envidraçada, na lateral.

No interior, os estilos se mantêm coerentes ao que se vê de fora. O Tucson tem um desenho mais limpo, com a cabine parecendo projetada a partir do posto de direção, como em um típico esportivo. O console é voltado para o motorista e a alavanca do câmbio fica próxima ao volante. Quem viaja nos outros assentos também desfruta de espaço e conforto. Há um descansa-braço entre os bancos traseiros e porta-revistas nos encostos dos bancos dianteiros. No entanto fica claro que é o motorista quem manda no pedaço. Analisando as dimensões internas da cabine, nota-se que no Tucson as maiores distâncias para a cabeça e para as pernas estão nas fileiras da frente.

O CR-V, ao contrário, socializa melhor o espaço. Seu painel de instrumentos tem mostradores grandes que podem ser visualizados até pelos passageiros do banco de trás. E o motorista, que pode ter seu ímpeto no acelerador vigiado pelos passageiros, conta com um segundo retrovisor no console de teto para acompanhar o comportamento da turma no banco traseiro. Como a alavanca do câmbio fica no painel, sobra mais espaço entre os bancos. Há dois grandes compartimentos para as quinquilharias. O único pênalti, na dianteira, é o posicionamento do pedal do freio de estacionamento, bem acima do descansa-pé. Os passageiros de trás têm o piso plano e os cintos de segurança de três pontos dão as boas-vindas aos ocupantes.

No acabamento, o CR-V demonstra um cuidado maior na seleção dos materiais e na confecção das peças, bem como no isolamento acústico da cabine, embora, na unidade avaliada, os limpadores do pára-brisa estivessem ressecados, trepidando e fazendo barulho. O Tucson compensa o acabamento mais simples com alguns recursos, como os párasóis extensíveis nas laterais e com luz e espelhos dos dois lados, coisas indisponíveis no CR-V. Além disso, o Hyundai tem bancos de couro de série, enquanto no CR-V eles são revestidos de tecido.

Litros no porta-malas
Na hora de usar o porta-malas, o Tucson oferece espaço para 528 litros de bagagem e o CR-V, para 524 litros. Os dois têm bancos bipartidos, sendo que o CR-V conta com uma divisória que reparte horizontalmente o porta-malas em dois e o Tucson tem o vidro basculante, que dispensa a necessidade de abrir a porta inteira para ter acesso à bagagem.

O Tucson 2.0 GLS é bem completo. Ele traz itens de série que não constam nem como opcionais do CR-V, como o câmbio automático com opção de trocas no modo manual e o ar-condicio nado digital, além do sensor de estacionamento. O CR-V não decepciona, entretanto. De exclusivo, o jipe da Honda traz computador de bordo e sistema de som com CD player e leitor de arquivos MP3 e WMA. Os dois dispõem de trio elétrico, duplo airbag, piloto automático, freios ABS, controle de tração e rodas de liga leve.

Ao volante, as diferenças antecipadas pelo estilo se confirmaram no comportamento dos veículos. O Tucson é um utilitário mais pronto e sem filtros em suas reações. Sua direção é mais direta, e a suspensão, firme. O câmbio automático permite maior interação com o carro, graças à opção das trocas manuais. O CR-V, por sua vez, roda com mais suavidade, tendo reações mais lentas de um modo geral.

Contar com direção um pouco mais indireta e suspensão mais solta não significa que ele tenha desempenho mais fraco, no entanto. Ao contrário: alinhado com o Tucson no início da pista de Limeira, o CR-V disparou na frente, chegando a 100 km/h quase 2 segundos mais cedo. O CR-V acelerou de 0 a 100 km/h em 12,6 segundos e o Tucson precisou de 14 segundos. Nas retomadas de velocidade, de 60 a 100 km/h em Drive, o Honda também foi mais rápido. Retomou em 7 segundos, contra os 8 segundos do Tucson. Para frear, o CR-V demonstrou igualmente mais disposição. Vindo a 80 km/h, percorreu 27,7 metros até a parada, enquanto o Hyundai parou em 28,1 metros.

No que diz respeito à motorização, o CR-V tira partido de um 2.0 VTEC de alumínio com um comando no cabeçote (SOHC) e 16 válvulas, que gera 150 cv de potência a 6 200 rpm e 19,4 mkgf de torque a 4 200 rpm. O Tucson, por sua vez, é impulsionado por um 2.0 com cabeçote de alumínio, duplo comando (DOHC) e 16 válvulas, com 142 cv de potência a 6 000 rpm e 18,8 mkgf de torque a 4 500 rpm. Basta uma olhada nesses dados para entender por que o CR-V se saiu melhor na pista. No consumo urbano pode-se dizer que houve empate técnico. O Honda ficou com a média de 9,5 km/l e o Hyundai, 9,0 km/l. Mas no consumo rodoviário o CR-V levou vantagem, com a média de 11,5 km/l contra 10,2 km/l.

Aposta alta
Levando em conta que o CR-V passou a vir do México e não mais do Japão e que, além do frete mais barato, ficou isento do imposto de importação (pelo acordo comercial do Brasil com o México), era de esperar que seu preço baixasse ainda mais para enfrentar o concorrente coreano. A Honda, porém, aposta no produto - que neste teste mostrou superioridade em aspectos importantes como o acabamento e o desempenho - e no prestígio de sua marca, conquistado graças aos bons antecedentes da dupla Civic e Fit. A Hyundai é uma marca em ascensão no mercado nacional. E o Tucson tem como trunfos o preço e o bom histórico de vendas.



TUCSON - R$ 82 000
A versão GLS 2.0 4x2 tem câmbio seqüencial, ar-condicionado digital e garantia de cinco anos.

DIREÇÃO, FREIO E SUSPENSÃO
Ele é um carro com respostas mais rápidas. A direção hidráulica é mais direta e a suspensão, firme.
[04]

MOTOR E CÂMBIO
Tem duplo comando no cabeçote de alumínio e câmbio automático com opção das trocas no modo manual.
[04]

CARROCERIA
O estilo é mais agressivo e o acabamento, mais simples. Tem maior ângulo de saída.
[03]

VIDA A BORDO
Tem a melhor visibilidade ao volante. O motorista é o centro das atenções na cabine, que conta com soluções interessantes de conforto.
[04]

SEGURANÇA
Tem ABS, controle de tração e duplo airbag de série.
[04]

SEU BOLSO
O líder do mercado custa menos e tem cinco anos de garantia.
[04]

DIMENSÕES
Comprimento/entreeixos (cm): 432 / 263
Altura/largura (cm): 173 / 183
Porta-malas (litros): 528
Peso (kg): 1 549
Peso/potência (kg/cv): 10,9
Peso/torque (kg/mkgf): 82,4
Diâmetro de giro (m): 10,8

FICHA TÉCNICA
Motor: diant., transv., 4 cil., 16V, 1975 cm3
Diâmetro x curso: 82 x 93,5 mm
Taxa de compressão: 10:1
Potência: 142 cv a 6 000 rpm
Torque: 18,8 mkgf a 4 500 rpm
Câmbio: automático seqüencial / 4 / dianteira
Direção: hidráulica / 3,3 voltas
Suspensão: Dianteira: independente McPherson Traseira: independente, dualink
Freios: disco na dianteira e tambor na traseira
Pneus: 235/60 R16



CR-V - R$ 94 500
A versão LX 2WD vem com computador de bordo e direção elétrica. A garantia é de três anos.

DIREÇÃO, FREIO E SUSPENSÃO
Seu comportamento é mais suave e voltado para o conforto. Sua direção é elétrica e ele se saiu melhor nas provas de frenagem.
[04]

MOTOR E CÂMBIO
O motor VTEC de alumínio gera mais torque e potência que o do rival. O câmbio é automático convencional.
[04]

CARROCERIA
Melhor no isolamento acústico e na qualidade dos materiais de acabamento.
[04]

VIDA A BORDO
A cabine foi pensada para todos os ocupantes. O ar-condicionado é simples, mas o sistema de som é item de série.
[04]

SEGURANÇA
Tem airbags e cintos de três pontos para todos no banco traseiro.
[05]

SEU BOLSO
Poderia custar menos - e até agora sua presença no mercado foi inexpressiva.
[03]

DIMENSÕES
Comprimento/entreeixos (cm): 452 / 262
Altura/largura (cm): 168 / 182
Porta-malas (litros): 524
Peso (kg): 1 529
Peso/potência (kg/cv): 10,2
Peso/torque (kg/mkgf): 78,8
Diâmetro de giro (m): 11,3

FICHA TÉCNICA
Motor: diant., transv., 4 cil., 16V, 1 997 cm3
Diâmetro x curso: 81 x 96,9 mm
Taxa de compressão: 10,5:1
Potência: 150 cv a 6 200 rpm
Torque: 19,4 mkgf a 4 200 rpm
Câmbio: automático / 5 / dianteira
Direção: elétrica/ 3 voltas
Suspensão: Dianteira: independente McPherson Traseira: independente, duplo A
Freios: discos ventilados na frente e sólidos atrás
Pneus: 225/65 R17


VISIBILIDADE
- Pontos cegos:
A parte escura representa a área que o motorista não enxerga em manobras ou em movimento

Clique aqui e veja a tabela comparativa

VEREDICTO
O Tucson deve permanecer como o líder do mercado, porque continua custando menos que o CR-V e mantém os atrativos de sempre, entre eles o completo pacote de equipamentos e a garantia de cinco anos. O CR-V ganha em acabamento, estilo e desempenho, e agora tem uma versão mais em conta. Apesar de mais caro, é mais carro.





» FOTOS


Publicidade