Seu comparativo
TOP 10 QR
Os carros mais procurados da semana no site Quatro Rodas
  • Novo Sandero
  • Vezel
  • Novo Fox
  • Duster
  • HB 20
  • Golf
  • Novo Ka
  • Corolla
  • Civic
  • Saveiro cab dupla
  • | A-Z |
Newsletter
Assine a Newsletter QUATRO RODAS
PUBLICIDADE
Carros | Comparativos
2º lugar: Fiat Idea
Junho 2006

2º lugar: Fiat Idea

Lista de matérias por data:

ALTERAR O TAMANHO DA LETRA  

A Fiat surpreendeu a todos quando anunciou o preço da Idea, no mês passado. A versão ELX 1.4 sai por 38620 reais e a HLX 1.8, 44980 reais, sempre sem opcionais. Os preços da Idea são seus principais atrativos, até porque ela dispõe de opcionais livres, o que significa que a versão mais simples ELX pode ter os mesmos equipamentos da top, mas com motor 1.4, o que faz diferença no preço final da versão.

A unidade mostrada aqui é uma HLX completa. Nela, itens importantes como ABS, airbags, sistema de som e teto solar são opcionais. Entre eles também está o ar-condicionado, que deveria ser equipamento de série em um modelo dessa categoria. De fábrica, traz bancos de veludo, faróis de neblina, Fiat Code, pára-choques pintados na cor da carroceria e vidros laterais laminados, entre outros itens. Incluindo os opcionais citados acima, seu preço chega a 60381 reais.

O motor é o mesmo que equipa a Meriva 2006, fornecido pela Powertrain para as fábricas, que desenvolveram o mapeamento em separado. A Fiat trabalha com a Magneti Marelli e a GM com a Delphi. No que diz respeito à potência, os dois conseguem os mesmos 114 cavalos, a Idea em 5500 rpm e a Meriva em 5600 rpm. Para o torque, a Fiat declara 18,5 mkgf e a GM 17,7 mkgf - todas as medições com álcool. Esse motor 1.8 Flex já equipava outros modelos das linhas Fiat e GM. Agora ele recebeu vários ajustes e componentes modificados. Ganhou novo cabeçote com balancins roletados, tuchos menores e válvulas de menor diâmetro. O objetivo das mudanças foi reduzir o peso e as perdas mecânicas por atrito. Além disso, os coletores de admissão e escape foram substituídos para facilitar o fluxo dos gases e aumentar o rendimento do motor.

Ao volante, a posição de dirigir elevada é confortável e tem como aliada a ampla área envidraçada. Seu desempenho foi superior ao do Fit e ficou em equilíbrio com o da Meriva. Nas acelerações, a Meriva foi ligeiramente melhor rodando com gasolina - fazendo de 0 a 100 km/h em 13 segundos, contra 13,2 segundos da Idea. Esta se saiu melhor com álcool - com o tempo de 12,6 segundos, contra 12,8 segundos.

SUSPENSÃO
bom - Assim como o Fit, aqui não há surpresas. Mas sua estabilidade é muito boa para um carro com o centro de gravidade elevado.
AO VOLANTE
bom - O motorista se sente no controle da situação, graças à posicão de dirigir elevada e à ampla área envidraçada.
CARROCERIA
muito bom - O conjunto tem boa rigidez torcional, que garante uma boa dirigibilidade e conforto a bordo.
POWERTRAIN
muito bom - Motor renovado ficou mais potente, econômico e silencioso. Mas ainda é áspero.
MERCADO
muito bom - Os preços das duas versões básicas são bem atraentes. Os opcionais são livres, mas não custam pouco. O ar-condicionado sai por 3501 reais, junto com os vidros escurecidos.


> Chevrolet Meriva
> Fiat Idea
> Honda Fit 
> Ficha comparativa 

> Voltar para a página inicial

 





» FOTOS

Publicidade